Apresentador da GloboNews pede autógrafo e diz ao vivo que 'aplaudiu Moro de pé'

Jornalista admitiu que tietou o juiz federal que comanda uma das maiores operação de combate à corrupção no Brasil: a Lava-Jato. 

O trabalho desempenhado pela Operação Lava-Jato, parece ter angariado grande apoio, não somente entre a grande maioria da população brasileira e também mundo afora, mas também dentro do meio crítico do Jornalismo nacional. A Lava-Jato é conduzida em primeira instância, pelo juiz Sérgio Moro, cujos trabalhos são direcionados a partir de Curitiba, mais especificamente na décima terceira Vara Criminal da Justiça Federal do Paraná. A operação é responsável pela investigação, através de uma força-tarefa, dos escândalos de corrupção que proporcionaram rombos bilionários provenientes dos cofres públicos da maior estatal brasileira; a Petrobras.

A Lava-Jato já denunciou e condenou políticos, empreiteiros e doleiros, por crimes relativos à corrupção. Pode-se mencionar a prisão do ex-deputado federal e ex-presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, e os ex-ministros do PT, José Dirceu e Antônio Palocci, além de ex-tesoureiros do partido que também encontram-se presos nas dependências da Polícia Federal paranaense. Eles serviram principalmente, durante as administrações federais do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e da ex-presidente Dilma Rousseff. A Lava-Jato alcançou um patamar alto de reconhecimento que um dos mais antigos jornalistas do canal de notícias a cabo das Organizações Globo, Globo News, "rasgou elogios" ao juiz Sérgio Moro.


Jornalista diz ao vivo que 'tietou' Moro
O jornalista Lucas Mendes, criador do programa "Manhattan Connection", do canal por assinatura Globo News, relatou durante seu programa ao vivo, durante a edição deste domingo (12), que chegou a ovacionar o juiz Sérgio Moro, durante palestra dada pelo juiz federal durante o seminário sobre corrupção na Universidade de Columbia, em Nova York, ocorrido há uma semana. O jornalista veterano deixou a "pose" de apresentador de lado e foi enfático ao assumir que admira muito o juiz Sérgio Moro: "Aplaudi o juiz Sérgio Moro de pé, pois eu nunca tinha aplaudido de pé nenhuma autoridade antes, só o Obama, mas tinha sido pela televisão", revelou Mendes. O jornalista relatou ainda sobre as horas passadas com o magistrado brasileiro em Nova York. Lucas Mendes disse que "Moro está acima do bem e do mal", em uma clara referência cheia de elogios. O jornalista ressaltou que o juiz "chega de táxi, sem assessor, sem segurança" e que pediu um autógrafo a Moro, no livro de Vladimir Netto, publicado pela Editora Primeira Pessoa, cujo título é: "Lava Jato". 

Créditos Blasting News