AÉCIO NEVES E ANTÔNIO ANASTASIA CAÍRAM NUMA CILADA E NÃO SAIRÃO DELA


PT e PMDB preparam investida contra Aécio Neves e Anastasia


Aécio Neves e Antônio Anastasia caíram numa grande cilada e poderão ser os próximos alvos da Lava Jato através do Senado e da Suprema Corte. Confira!
O partido do presidente Michel Temer assumiu de vez o comando das duas mais importantes Casas no cenário político brasileiro: a Câmara dos Deputados e o Senado Federal.

Na Câmara dos Deputados quem foi eleito presidente para mandato de dois anos foi Rodrigo Maia que é genro de Moreira Franco. Maia é casado com Patrícia Vasconcellos enteada de Moreira que foi nomeado e presenteado com o foro privilegiado recentemente pelo presidente Michel Temer. Moreira está delatado na Lava Jato e cairia nas mãos do juiz federal Sérgio Moro caso não tivesse o status de ministro. Toma lá, da cá.
Maia perdeu as eleições no Rio de Janeiro para o nova iorquino Eduardo Paes. O que deixa claro que seu protagonismo político é superficial. Ele não é nenhum especialista em articulação política. Logo quem garantiu sua reeleição foi o Palácio do Governo.
O PMDB selou a liderança do Senado Federal com a eleição de outro delatado, o senador Eunício Oliveira. O “índio” conforme é citado na delação premiada da Odebrecht é homem de confiança do PMDB e aliado qualificado de Michel Temer.
Desta forma o PMDB controla a Câmara dos Deputados e o Senado Federal.
O Partido dos Trabalhadores por sua vez não ficou de fora. No Supremo Tribunal Federal quem mais obteve êxito em todas as questões envolvendo políticos foi o PT. A morte de Teori Zavascki abriu uma lacuna que deixaria o PT sem proteção. Na última hora uma manobra bem articulada permitiu que o ministro Edson Fachin, declarado cabo eleitoral de Dilma Rousseff, fosse o escolhido.
Fachin não irá permitir em hipótese alguma que denúncias envolvendo nomes de petistas sejam levadas adiante. Quem nomeou Fachin para condição de ministro do STF foi a ex-presidente Dilma Rousseff.