Assassinos de filho de PM são mortos no Paraná


Dois suspeitos de torturar e matar o filho de um policial militar em Umuarama, no noroeste do Paraná, foram mortos em um confronto com a polícia na madrugada de quinta-feira (5). Guilherme Sela, 16 anos, estava sozinho em casa quando três criminosos invadiram a residência, sequestraram o adolescente e o levaram até um frigorífico desativado na PR-323. Lá ele foi torturado e morto.

O pai do rapaz trabalhava em Loanda, enquanto a mãe viajava pelo litoral catarinense. Os criminosos invadiram a casa por volta de 19 horas de quarta-feira (4) e roubaram diversos objetos. Eles fugiram com o carro da família. Às 23 horas o corpo de Guilherme foi encontrado com sinais de espancamento na cabeça, uma orelha cortada, golpes de faca e tiros.

Após o crime, o grupo se envolveu em um acidente na PR-323. Viaturas das polícias Militar e Civil cercaram o veículo e prenderam um dos suspeitos. Ele foi identificado como Mateus Costa Gonçalves, 19 anos, e negou participação no roubo e sequestro do adolescente. Os outros dois suspeitos foram encontrados durante a madrugada pela PM.

Eles tentaram fugir e trocaram tiros com a equipe policial durante a perseguição. Os dois foram baleados e mortos pelos policiais. Os corpos foram recolhidos pelo Instituto Médico Legal (IML) e permanecem sem identificação.


As informações são do Diário do Estado.